Argentina volta a exportar carne in natura aos EUA

Argentina volta a exportar carne in natura aos EUA

A Argentina já pode exportar carne bovina resfriada e congelada para os EUA. Os sistemas de inspeção da Argentina para abate de bovinos e processamento passaram pelas auditorias necessárias para aprovação pelo Serviço de Inspeção e Segurança Alimentar do USDA. Anteriormente, o acesso da Argentina ao mercado dos EUA era limitado a carne processada cozida e pronta para consumo. A Argentina terá uma cota específica de 20 mil toneladas, idêntica à do Uruguai, e fora do comércio de cotas será cobrada uma tarifa de 26,4%. A Austrália pode enfrentar um aumento da concorrência no mercado dos EUA a partir de carne bovina fabricada na Argentina, mas 20 mil toneladas é muito pouco quando comparado ao mercado de carne bovina importado inteiro de um milhão de toneladas ou as 12 milhões de toneladas consumidas anualmente pelos americanos.

24 de Janeiro de 2019

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

ILSA BRASIL INDÚSTRIA DE FERTILIZANTES LTDA
CORIUM QUÍMICA LTDA
FIL INTERNATIONAL LEATHER IMP. EXP. LTDA
SPM COUROS
LANXESS IND. DE PROD. QUÍMICOS E PLÁSTICOS LTDA
JBS S/A