Indústria calçadista ainda não recuperou produção de 2013

Indústria calçadista ainda não recuperou produção de 2013

Em 2018, a produção de calçados no Brasil teve expansão de apenas 0,1%, alcançando 944 milhões de pares, de acordo com o Relatório Setorial Indústria de Calçados Brasil 2019, realizado pela Abicalçados. Em 2017, o crescimento foi de 1,1%. A estabilidade da produção, em 2018, deu-se em resposta ao mercado interno, enquanto as exportações retraíram-se 10,8%, em volume. Os crescimentos da produção em 2017 e 2018 foram insuficientes para recuperar as retrações de 2014 a 2016, que acumularam queda de 9,4%. De tal modo, o setor ainda não voltou aos patamares anteriores a 2014, quando a produção alcançava cerca de um bilhão de pares. No que tange à produção em reais, no ano de 2018, houve uma retração de 2,3%, em relação a 2017, atingindo R$ 21,4 bilhões, reflexo, também, da deflação nos preços dos calçados ao consumidor, e da dificuldade de repasse de custos.
     Quanto a 2019, projeta-se crescimento entre 3,4%, na banda otimista, e 1,1%, na banda pessimista, em termos de pares. Em termos de valor, por outro lado, a projeção situa-se em uma banda de 5,3%, otimista, a 2,9%, na margem pessimista. De tal modo, pode-se concluir que é esperada uma valorização dos calçados em termos de preço médio.

03 de Maio de 2019

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

TFL DO BRASIL INDÚSTRIA QUÍMICA LTDA
FIL INTERNATIONAL LEATHER IMP. EXP. LTDA
KLC BRAZIL LEATHER EXPORT LTDA
GERBER REPRESENTAÇÕES IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO LTDA
COUROFAG INDUSTRIA COMÉRCIO E REPRESENTAÇÕES LTDA
INDÚSTRIA DE PELES MINUANO LTDA