Indústria do couro dos EUA rechaça tarifas sobre bolsas da UE

Indústria do couro dos EUA rechaça tarifas sobre bolsas da UE

A US Hide, Skin and Leather Association (USHSLA) e a Leather Industries of America (LIA) uniram forças para pedir à administração Trump que não avance com as tarifas propostas sobre bolsas importadas da União Europeia. Em abril, o governo dos EUA incluiu bolsas de couro em uma lista de produtos fabricados na UE sobre a qual imporia tarifas em retaliação aos subsídios aéreos europeus. No entanto, os dois órgãos da indústria de couro escreveram ao governo em Washington DC para salientar que as tentativas de aumentar as tarifas sobre bolsas importadas da Europa prejudicarão o setor de couro nos EUA. Nos primeiros três meses de 2019, os curtidores importaram quase 340 mil peles wet blue dos EUA, com um valor de mais de US$ 37,5 milhões.
A indústria de couros dos Estados Unidos exporta anualmente mais de 95% de sua produção total para os principais mercados, incluindo a UE", disseram as duas organizações em seus comentários. "Implementar a retaliação proposta contra as importações de bolsas de couro da UE, que usam substanciais insumos dos EUA, afetaria negativamente as empresas de couro dos EUA, seus funcionários e indústrias auxiliares".A LIA e a USHSLA disseram que os desafios que essas empresas já enfrentam incluem preços em queda, tarifas de retaliação em outros mercados importantes (principalmente a China) e redução da demanda global por couro.

06 de Junho de 2019

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

CODINA PELES LTDA
CURTUME SULINO LTDA
FIL INTERNATIONAL LEATHER IMP. EXP. LTDA
BCM - INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE COUROS LTDA
COUROFAG INDUSTRIA COMÉRCIO E REPRESENTAÇÕES LTDA
KILLING S/A