Quênia coloca couro nas prioridades de desenvolvimento

Quênia coloca couro nas prioridades de desenvolvimento

     A entidade que representa o setor coureiro do Quênia disse que o tráfico de peles para a China está custando aos governos da Comunidade da África Oriental (EAC) cerca de US $ 30 milhões em impostos perdidos por ano. O presidente-executivo da Kenya Leather Development Authority, Issack Noor, explicou que o governo queniano aumentou o imposto de exportação de 40% para 80% para incentivar a agregação de valor doméstico. Isso aumentou o contrabando, no entanto, o que está afetando a receita fiscal. O Quênia tornou a indústria do couro uma parte central do seu novo plano econômico de cinco anos. Ele pretende criar 50 mil novos empregos no setor e aumentar a receita de exportação em US$ 500 milhões em 2022. Ele também quer aumentar a produção de calçados para 20 milhões de pares.

22 de Fevereiro de 2018

Mais Notícias

Conheça nossos

Associados

CODINA PELES LTDA
EURO-AMÉRICA NOVO HAMBURGO
ARTE DA PELE DESENVOLVIMENTO COUROS EXÓTICOS LTDA
GOBBA LEATHER INDUSTRIA E COMERCIO LTDA
CURTUME VIPOSA S.A. IND E COM
FUGA COUROS S.A